Hilda Alão

Escrever é uma forma de amar.

Áudios

SAUDADE
Data: 03/09/2006
Créditos:
Titulo do texto: SAUDADE
Autor: Maria Hilda de Jesus Alão
Editor de som: Maria Hilda
Locutor: Maria Hilda de Jesus Alão
Música: Fascinação (midi)
Autor: F.D. Marchetti
Midi obtida em: http://www.robynet.psi.br (Geraldo Midis)

SAUDADE

Nosso amor nasceu num instante
vestido de sonhos de felicidade,
hoje está longe, tão distante,
tão perto na mesma cidade.

Implacável, o tempo ri com desdém
dos meses que ele próprio escreveu
e eu, saudosa, não falo a ninguém
deste sentimento, tormento meu.

Saudade dói, e eu te chamo
toda noite ao me deitar
entre lágrimas murmuro que te amo
e que nunca deixei de esperar,

o momento de viver nova vida,
porque sei que me tens na lembrança.
Eu estarei, amor, no fim da descida,
braços abertos como criança;

esperando que venhas com a alvorada,
como estrela brilhando no espaço,
minha saudade aqui te aguarda
para envolver-te em forte abraço.

17/06/06.
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 17/06/2006




Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras